“Deus, muito obrigado pela sua ajuda!”

 

Era essa mensagem que ela escrevia nos cadernos.

Em todos que estudou para terminar o ensino fundamental e médio, há não mais de 3 anos.

E em todos os que anotava as contas da padaria. “Aqui é bom de comprar e de morar pq todo mundo confia na gente, e todo mundo gosta de mim”.

E eu fiz de tudo e mais um pouco para que, ao menos esse conforto, ela não perdesse… “Pois aqui é muito bom de morar, né? Eu gosto muito de morar aqui”.

Essa era uma das várias frases que ela repetia, especialmente nesta reta final, onde estava presa pela memória.

Mas, ela resolveu ir hoje. Justo hoje… Duplicando o significado da data.

 

Era uma notícia esperada há pelo menos 3 meses e meio, pois a condição, tanto mental quando física dela, é de cortar o coração até dos mais duros e insensíveis serumaninhos.

 

Na última vez que a vi, viva, estava desanimada de ficar no hospital, congelada nas manhas de sábado que passava com ela, desde que casei / me mudei da convivência diária com ela. Perguntando mais de uma vez, primeiro se eu poderia fazer o almoço para ela no domingo, que ela tava com dor na mão [na verdade, já estava sem mexer as duas], se meus irmãos iriam, se a Carol iria.

E o último pedido, antes do ultimo tchau em vida que trocamos, foi para coçar a cabeça dela, já que não tava conseguindo nem subir o braço…

Se ela era grata à Deus, eu sou grato a ela por ser o suporte do meu pai e dos irmãos, pois foi uma pessoa que literalmente abriu mão da vida dela, pra ajudar os filhos a ter rumo, até colocar o último, que vos escreve, em vida. Suporte que estava longe de ser perfeito. Mas era o suporte do jeito dela. Era um suporte. O sul do norte que esse casal de Sousas foi na vida de nós 4.

E, agora, estamos “definitivamente” por conta…  Até a próxima, mãe! Nos vemos por aí ;)

 

[♫] “Hear the wind sing a sad, old song

It knows I’m leaving you today

Please dont cry or my heart will break

When I go on my way”, Goodbye my love Goodbye, Demis Roussos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *